sexta-feira, abril 03, 2009

Você conhece os seus Museus?

Lendo o blog do meu amigo e companheiro de profissão Antenor Thomé, me encantei com a vídeo-reportagem dele sobre o novo museu paulistano, o Museu Catavento. E resolvi falar um pouco sobre esse mundo encantado dos Museus.

O povo brasileiro em geral não é acostumado a consumir cultura nacional. O que a maior parte da população entende como cultura são os filmes hollywoodianos ou grupos musicais oriundos das comunidades, como o funk, pagode, rap, etc. Há pouco tempo o cinema nacional vem ganhando espaço. Subindo degrau a degrau, os brasileiros começam a perceber que temos, e muita, cultura a ser consumida.

Lembro-me que em minha infância sempre fui apaixonada por visitar os museus cariocas, o jardim zoológico e os parques públicos. Também adorava ir à Quinta da Boa Vista num domingo de sol no verão para ouvir a Orquestra Sinfônica tocar. Perder horas na Biblioteca Nacional era uma diversão para mim, o subir e descer daquelas escadarias infinitas era o máximo. Mas fui crescendo e algumas dessas coisas foram ficando de lado, mas outras simplesmente triplicaram a paixão.

Aos parques públicos, por exemplo, não vou a muitos anos. A Quinta hoje para mim virou sexta (brincadeira). O Zoo ainda me encanta, mas não consigo tempo para ir visitar meus amados bichinhos. Já as bibliotecas e os Museus... Ah! Esses eu não largo mão. Claro que amo cinema, teatro, música... Mas não existe nada igual do que visitar um bom museu e conhecer um pouco mais sobre nós mesmos, os seres humanos.

Uma das cidades que mais amo é São Paulo. E nunca, nunca mesmo, deixo de visitar o maior número possível de museus e centros culturais que posso quando estou por lá. Um dos lugares que mais gosto de ir é no Museu da Língua Portuguesa. Outro canto especial que tenho em minha agenda cultural é a Oca do Ibirapuera, sempre que vou faço questão de saber o que de interessante tem por lá.

MAM e MASP já são figurinhas carimbadas no meu passaporte de cultura. Só louco não passa por ali. É simplesmente divino! Em Minas meus encantamentos ficam por conta dos Museus Dona Beija (em Araxá), dos Brinquedos (em BH), da Cachaça (em Caeté), da Arte Sacra (em Mariana), do Aleijadinho e a Casa dos Contos (em Ouro Preto) e o do Índio (em Uberlândia). Sempre que consigo viajar para as terras das minas brasileiras não perco a chance de conhecer um novo canto para entrar na minha agenda.

No meu Rio de Janeiro é certo, sempre que posso, visitar o Museu Histórico Nacional (no centro do Rio), o Nacional da UFRJ (na Quinta da Boa Vista), o MAM/RJ (no Flamengo), do Trem (onde nasci, Engenho de Dentro), da Vida (na Fundação Oswaldo Cruz), a Casa de Rui Barbosa (em Botafogo) e o CCBB (também no centro do Rio). Subindo a serra não pode faltar a Casa de Santos Dumont e o Museu Imperial em Petrópolis.

Existem milhares de museus e centros culturais espalhados em nosso país que gostaria de conhecer. E acho que em minha vida inteira não conseguiria conhecer todos eles. Mas sei que arrumarei um tempinho para ver pelo menos a Casa da Xilogravura em Campos de Jordão-SP, a Casa de Portinari em Brodowski-SP, a Casa de Jorge Amado em Salvador-BA, o Museu Afro-brasileiro também em Salvador, o Museu da Motocicleta em Fortaleza-CE, o Memorial JK em Brasília, o Museu do Pantanal em Corumbá-MS, o Museu Oscar Niemeyer em Curitiba-PR e muitos outros mais. Seria uma lista infinita...

Apesar de todos os problemas sócio-culturais do povo brasileiro o número de visitantes nos museus e centros culturais do Brasil teve um aumento significativo nos últimos cinco anos. De acordo com o IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) em 2003, 14 milhões de pessoas visitaram as casas culturais e museus do país, e em 2007 o número chegou a 21 milhões.

Portanto, não importa onde você more, o que você faça para viver, sabemos que Cultura é bom e todos nós gostamos. Exija cultura para você e seus familiares. Busque na escola, nas bibliotecas de seu bairro. Visite museus, centros culturais, leia livros, assista filmes, vá a peças de teatro se embebede de cultura. Não tem dinheiro? Não tem problema! Existem vários locais que tem sua entrada gratuita ou tão barata que com certeza não fará tanta falta para você no dia-a-dia. Lute! Viva! E faça valer seu direito de construir a NOSSA história.

A verdadeira história nacional brasileira é aquela que está sendo criada por mim e por vocês todos os dias!

3 comentários

Yuri Santos disse...

Gosto muito de ir a museus, pra onde quer que eu viaje nem que seja a trabalho vou a pelo menos um museu daquele local, moro em Manaum/Am e sempre vou aos museus aqui, sempre que tem novas exposições.

Antenor Thomé disse...

Obrigado Anna por visitar meu blog e também pela referência ao vídeo.
Visiar esses locais é muito importante, não e caro e faz muito bem para o conhecimento e para a alma também..
Bjos
Obrigado novamente

Ana Magal disse...

Yuri... tb adoro Museus, sempre que posso estou fuxicando algum deles, rsss. Ainda não tive o prazer de conhecer Manaus, mas tenho muitos amigos aí.

Meus 'muso' inspirador e amigo Antenor... Seu vídeo foi ótimo. E é Ana, com um N só a xará que tem 2 NN rsss... Beijos!

Postar um comentário

Leia as regras:
Os comentários deste blog são moderados.
Use sua conta do Google ou OpenID.

Não serão aprovados comentários:
* com ofensas, palavrões ou ameaças;
* que não sejam relacionados ao tema do post
* com pedidos de parceria;
* com excesso de miguxês CAIXA ALTA, mimimis ou erros grosseiros de ortografia;
* sem e-mails para resposta ou perfis desbloqueados;
* citar nome de terceiros em relação à apologias, crimes ou afirmações parecidas;
* com SPAM ou propaganda de blogs.

Importante:
* Diferença de opinião? Me envie um e-mail e vamos conversar educadamente.
* Parceria somente por e-mail.
* Dúvidas? consulte o Google!

Obrigada por sua visita e comentário. Volte sempre!
OBS: Os comentários dos leitores não refletem as opiniões do blog e de sua autora.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo
 
;