quarta-feira, março 25, 2009

Mundo real X Mundo virtual

200544430-001 Há quase 10 anos ganhei meu primeiro computador. Meu pai, com o intuito de me ajudar a sair de uma crise depressiva onde meio que me isolei dos amigos e só queria ficar e casa, comprou-me um pc Pentium II e pôs em meu quarto. Nele veio o cd de instalação da “falecida” AOL Brasil. Ligou, instalou e saiu silenciosamente de lá, me deixando no escuro com aquele monitor brilhante, e para mim, sombrio.


Passado mais ou menos uma semana decidi sentar na cadeira e descobrir afinal o que fazia aquilo. A única experiência que eu tinha com computadores até então era no ambiente de trabalho. Tarefas básicas como word e outlook, e alguns programas ligados à empresa. No mais ele me parecia um tanto assustador. Tipo o bicho papão de quando éramos crianças. Peguei o manual e começei a ler. Abri o pacotinho do cd de instalação da AOL e liguei a maldita máquina. Pensei: vamos ver o que esse bagulho faz.

aolbrasilInstalado o programa tive que criar um nickname. Que naquela época para mim era um palavrão. Que diabos era um nickname? Olhei daqui, pensei dali e fui tentando várias opções. Não queria colocar meu nome. Afinal aquilo era um lugar novo, eu não ia sair dando meu nome para qualquer um. Fiz então o tal do nick. Depois de mais de 20 tentativas, e erros pois todos os que eu escolhia já estavam sendo usado, surgiu então aquele que me segue até hoje no mundo virtual. Respirei fundo e disse para mim mesma: É esse! Então nascia a Ana Paula virtual, conhecida por muitos anos por KeroKollinho.

Eu adorava ficar horas sentada lá mexendo em cada botãozinho que aparecia em minha frente. Entrava nas salas de bate-papo e ia conversando (Ops! teclando. Ui! tc) com as pessoas. Naquele mundo que parecia só meu, eu podia ser quem eu quisesse. Conheci amigos maravilhosos ao longo de quase quatro anos de AOL Brasil. Posso dizer que fiz irmãos ali dentro. Mas a filial brasileira da AOL fechou, como nessa época eu já não achava tanta graça dela, saí antes do barco afundar. Levei comigo amigos, e alguns inimigos e segui a vida.

yahoo-messenger-9Logo depois conheci o Yahoo Messenger. Neste ponto eu já estava totalmente interada do mundo browseiro. Baixei o tal programa e me inscrevi. Tentei usar outra nick, mas a sombra American On Line me perseguia. Surgia aí a versão Y da KK, nascia a kerokollinho do Yahoo. Visitei várias salas de diversos assuntos. E nesse meio tempo o meu conhecido de informática ia aumentando, mas não necessariamente melhorando. E aí entrou o Japão na minha vida. Amigos, amores, hackers, invasões e lá foi meu pc. Puft! Morreu! Aprendi lições valiosas que carrego até hoje depois de minha temporada Yahoodiana: nunca confie totalmente em uma pessoa virtual. Duvide sempre. Analise, questione. Sobreviva!

msn-talk6Chorei. Saí da depressão. Comprei um pc novo. E começei a selecionar o que era bom ou não nesse mundo virtual. E mundo virtual continuou, independente de eu estar nele ou não. Com o passar dos anos o Yahoo me cansou, assim como a AOL. Larguei de mão. Também conheci o ICQ e o MSN (o qual eu não gostava muito). Aprendi a mexer com textos elaborados. Tive meu primeiro blog. Fiquei mais velha e me redescobrir no mundo real. Briguei com família, perdi várias empregos, terminei com namorado, mas sobrevivi. Alguns anos depois eis que surge o Orkut. E então a Kero Kollinho tem seu fim e assume o posto o meu nome real como nickname, chega em cena a Ana Magal.

facebookCom os acontecimentos passado aprendi que tirar do pc para vida pessoal só coisas que me façam crescer como pessoa, o resto é desligado de minha vida no mesmo momento em que aperto o off. Entrei então no mundo da visibilidade mundial. A velocidade da internet já não era a mesma de quando começei, lá atrás. Hoje tudo era rápido. O Orkut era rápido. Mas tudo passa. E atualmente ando de saco cheio dele também. Aí veio o Facebook. Estou aprendendo. Engatinhando para melhor dizer. Como um amigo meu disse outro dia, migrando de um para o outro. E estou gostando.

twitter_logo-300x218 Mas no meio dessa minha troca virtual me deparo com o mundo da agilidade. O Twitter invade minha vida. Pessoal, profissional, etc. É tudo muito rápido. Nem a velocidade de meus pensamentos conseguem acompanhá-lo. Mas ainda estou de pé. Sobrevivendo a esse mundo de caracteres e linguagem própria.

menina_escrevendo_no_teclado_de_laptop Isso mesmo. O mundo virtual tem uma forma própria, linguagem distinta, pessoas irreais, amigos verdadeiros, inimigos poderosos e oportunidades de vida profissional. Mas em quase 10 anos de vida virtual, onde troquei de nick, de pensamento, de cultura, conhecimento e muitas outras coisas, consegui entender que não existe o EU virtual diferenciado do EU real. Todos somos um só. O grande problema é que, nós - os mais antigos, demoramos a aceitar as mudanças. E o mundo mudou. Evoluiu, e querendo ou não, temos que ir com ele, e não contra. Não importa qual mundo você viva, seja você sempre. Seja verdadeiro, sincero e profissional, e te respeitarão dentro e fora da telinha.

A Ana virtual, e real, agradece pelas pessoas maravilhosas que conheceu ao longo do caminho. E com certeza, hoje, está preparada para não só aprender, mas também repassar um pouco do que captou nesse anos. O mundo virtual é o real de hoje, então não adianta fugir, e sim acompanhá-lo.

4 comentários

Natacha disse...

Até hoje eu lembro quando vc entrou pela primeira vez na salinha lá do yahoo..rs faz tempo né flor...

Portal80 disse...

Oi, Ana. Achei vc pelo blogcatalog. Sempre mais uma alternativa na rede, certo?

Gostei bastante do layout aqui, da sua personalidade, idade e sinceridade também. Estou nos 31, sou formada na àrea, desempregada e também de Brasília. rs

Fora isso, se quiser me fazer uma visita - http://portal80brasilia.blogspot.com/

Tathiane Galdino disse...

Oi, Ana:

Gostei muito da sua visita ao meu blog:www.festadepoemas.blogspot.com,por isso resolvi visitar também seu blog! maravilhoso...

Parabéns pelo seu trabalho e boa sorte na sua profissão!

Um grande beijo!

Tathiane Galdino

Ana Magal disse...

Migaa Natch!!! Oh se lembro de nós duas perdidas naquela sala de bruxos, cobras e lagartos, rss. Oh saudade!

Portal80 [que eu não sei se é H ou M] rsss. Bem vindo(a) sempre por aqui. Visitei seu blog tb e ameiiiii... Ai quero voltar para 1987... eu quero, rsss

Tathi, amei seu cantinho. E sempre que tiver um tempinho estarei por lá.

Obrigada a todos!
@anamagal

Postar um comentário

Leia as regras:
Os comentários deste blog são moderados.
Use sua conta do Google ou OpenID.

Não serão aprovados comentários:
* com ofensas, palavrões ou ameaças;
* que não sejam relacionados ao tema do post
* com pedidos de parceria;
* com excesso de miguxês CAIXA ALTA, mimimis ou erros grosseiros de ortografia;
* sem e-mails para resposta ou perfis desbloqueados;
* citar nome de terceiros em relação à apologias, crimes ou afirmações parecidas;
* com SPAM ou propaganda de blogs.

Importante:
* Diferença de opinião? Me envie um e-mail e vamos conversar educadamente.
* Parceria somente por e-mail.
* Dúvidas? consulte o Google!

Obrigada por sua visita e comentário. Volte sempre!
OBS: Os comentários dos leitores não refletem as opiniões do blog e de sua autora.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo
 
;