sábado, maio 09, 2009

As Poderosas Rainhas

Há algumas semanas atrás participei da sexta premiada do site Opinião e Notícia. Sempre li as matérias do site, mas com a vida corrida nunca tive tempo para parar, pensar e comentar com coerência. Eis que no Twitter sou seguida por Ana Borges, a responsável pelo marketing do O&N. Conversa daqui, conversa dali e conto para ela que sempre fui fã do conteúdo do site, mas que nunca tinha comentado. Ela "me intimou" a fazer um comentário, claro, em tom de brincadeira... Então vem que aparece um assunto, em uma das sextas-feiras premiadas e resolvo dar meu pitaco.

O tema que li e adorei foi sobre o famoso "tapinha" nas crianças. Na matéria teve casos de professores em diversos lugares que literalmente espaçaram, e até mataram, alunos. E o artigo abordava se realmente um tapinha para educar era bom ou não. Então lá fui eu e dei meu pitaco. Na comunidade do Orkut do webjornal existe o ranking de votação. Quanto entrei lá para ver eu tinha somente um voto e nem me preocupava em ganhar ou não, só quis mesmo dar minha opinião. Quando foi na segunda-feira retrasada recebo o e-mail dizendo que meu comentário foi escolhido o melhor. Ups... Fiquei envergonhada...

Os prêmios que podiam ser escolhidos eram ingressos duplos para cinema ou livros que estavam disponíveis para opção de escolha. Optei por um livro. Entrei lá e fuxiquei em cada um deles e acabei me encantando com o livro da jornalista Amy Dickinson, a qual eu já admirava faz tempo. Então mandei a resposta sem pensar, nem duvidar: quero o livro As Poderosas Rainhas, de Amy Dickinson. E essa semana o livro chegou.

Na semana conturbada por conta do meu aniversário (30), Semana da Comunicação na faculdade e uma baita de uma gripe que conseguiu me derrubar, encontrei tempo para ler. Tenho inúmeros livros na fila para ler. Sou uma viciada compulsiva por livros, confesso, compro, compro, depois me perco no tempo da leitura. Na imensa pilha de livros não lidos, já tinha posto o de Amy por lá. Mas ao ler a orelha do livro fiquei intrigada em querer saber mais. E pronto... Bastou a minha curiosidade ser atiçada para começar a lê-lo literalmente no banheiro todas as manhãs, não riam, foi assim mesmo.

Do banheiro passou para cama antes de dormir. E com a gripe me derrubando todas as tardes, Amy foi minha companheira de convalescença. Simplesmente engoli as 207 páginas das Rainhas Poderosas de Freeville, cidade natal da jornalista americana. O livro é simplesmente divino. Digno de uma Amy Dickinson, claro.



Nele, Amy conta a história de sua vida. A importância que as mulheres que cresceram ao seu redor tiveram para seu engrandecimento e sua opinião como mulher, como pessoa. Ela conta em detalhes sobre seu divórcio e como teve que se superar, arrumar as malas e embarcar de volta para os EUA deixando para trás um casamento de 12 anos e um marido com suas amantes. Ela conta com ternura sobre seus momentos com sua mãe, e com sua filha Emily. Simplesmente maravilhoso.

O lema da escritora Amy Dickinson é "Eu erro para que vocês não tenham de errar também". A jornalista todos os dias inspira e orienta milhões de leitores por meio de sua coluna de aconselhamento familiar, "Ask Amy". Seu público é estimado em 22 milhões de pessoas e é publicada em mais de 150 jornais, entre eles os prestigiados Washington Post, Los Angeles Times e Chicago Tribune. Eu tive oportunidade de ler a coluna dela no Chicago Tribune, do qual sou assinante da newsletter, e muitas vezes me peguei ou dando altas gargalhadas ou simplesmente me debulhando em lágrimas.

Resumindo... Participei... Ganhei... Li... Me aventurei... Amei... E agora, recomendei!

As Poderosas Rainhas
Autora: Amy Dickinson
Editora: Ediouro
Tradução: Eliana Rocha

Para comprar:

Estante Virtual
Saraiva
Submarino


Fotos divulgação: Amy Dickinson e capa do livro

3 comentários

Portal80 disse...

Que bom garota. Só suuuucesso, heim! Plugada na web, comentarista, jornalista, tuuudo em uma. rs Só falta mãe agora. hehe

Já vejo que serás uma das grandes jornalistas. Que Fátima Bernardes se cuide! ;p

Antenor Thomé disse...

Essa minha amiga é muito chique!!!!
É muito gostoso quando nosso trabalho é reconhecido..

Bjos

Ana Magal disse...

Simone amiga... É agora posso ver uma nova profissão: comentarista. Que tal? rsss

Amigo Antenor... É bom mesmo qdo escrevemos algo e as pessoas gostam. Pior que eu nem esperava ganhar, afinal só tinha 1 votinho... Virada de 24h rss E olha que nem usei 'torcida' organizada... foi de livre e espontânea vontade.

Postar um comentário

Leia as regras:
Os comentários deste blog são moderados.
Use sua conta do Google ou OpenID.

Não serão aprovados comentários:
* com ofensas, palavrões ou ameaças;
* que não sejam relacionados ao tema do post
* com pedidos de parceria;
* com excesso de miguxês CAIXA ALTA, mimimis ou erros grosseiros de ortografia;
* sem e-mails para resposta ou perfis desbloqueados;
* citar nome de terceiros em relação à apologias, crimes ou afirmações parecidas;
* com SPAM ou propaganda de blogs.

Importante:
* Diferença de opinião? Me envie um e-mail e vamos conversar educadamente.
* Parceria somente por e-mail.
* Dúvidas? consulte o Google!

Obrigada por sua visita e comentário. Volte sempre!
OBS: Os comentários dos leitores não refletem as opiniões do blog e de sua autora.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo
 
;