quarta-feira, junho 10, 2009

O simples prazer de um "Obrigada"

Em fases da vida lembramos sempre de pedir. Pedir aos pais, aos amigos, aos namorados e namoradas, aos vizinhos, aos desconhecidos, a Deus...Enfim passamos a maior parte do tempo somente cobrando, reivindicando, suplicando, implorando e esquecemos de uma coisa simples, básica e essencial: AGRADECER.

Há um tempo atrás uma amiga minha perdida em seus pensamentos sozinha também teve esse 'click' e do nada começou a proferir palavras de agradecimento. E conseguiu pelo menos por alguns momentos, momentos internos de paz.

Não falo em tom religioso. E nem quero. Até porque, quem me conhece sabe que não sou muito voltada para a vida religiosa. Tenho minhas crenças e credos, mas não uma vida religiosa propriamente dita. Digo isso por também senti necessidade de agradecer. Simplesmente agradecer.

Hoje então só vim até aqui para agradecer:

Obrigada por minha família: minha mãe e meu pai.
Obrigada por meus parentes e aparentados: primos, primas, tios, tias e todos que ali se agregaram.
Obrigada pelo momento que tive com aqueles que já se foram: minha avó, Maria Rosa, meu vó Durvalino, meus cachorros (Danto e Toska) e minha maritaca Cocota.
Obrigada por meus amigos de infância, por meus amigos do passado, por meus amigos do presente, por meus amigos que hoje já não são mais tão amigos assim, por aqueles que um dia foram meus amigos e por todos aqueles que virão a ser.
Obrigada por todos os momentos de alegrias que vivi e também por todos os momentos em que derramei lágrimas.
Obrigada por meus amigos virtuais, aqueles que somente são virtuais e também aqueles que se tornaram mais que reais.
Obrigada por todos os momentos quem que sofri, sei que chorei, mas chorei porque aprendi.
Obrigada pelas paixões que senti, pelas paixões que vivi, pelos amores platônicos, pelos beijos de supetão, pelas noites de amor e prazer.
Obrigada pelo sexo.
Obrigada pelo riso.
Obrigada pelos sorrisos. Os que dei e que recebi.
Obrigada por existirem as crianças que são o essencial da vida humana, pois significam esperança.
Obrigada por eu ter amor pelos animais e ainda mais por sempre poder ter vivido cercada deles.
Obrigada pelas injúrias que recebi e também pelas que cometi. Sei que aprendi.
Obrigada por ter tido condições para estudar e por ainda poder continuar.
Obrigada por ter sonhos.
Obrigada por poder sonhar.
Obrigada pelos dons que possuo e também por aqueles que nunca irei possuir.
Obrigada por meus erros. Pois sei que com eles aprendi.
Obrigada pelos empregos que tive, pelos que perdi e pelos que sei que ainda terei.
Obrigada simplesmente por estar viva. E por um dia não ter permitido que eu simplesmente fosse embora.

Enfim obrigada por estar aqui e poder escrever tudo isso que escrevo agora.

Sinceramente: OBRIGADA!

Não importa a quem, onde e nem porque. Seja a todos com quem cruzei, aos Deuses e Deusas de todos os povos. Hoje ao invés de pedir qualquer outro tipo de coisa simplesmente peço: OBRIGADA!

2 comentários

Cristina Jeickel disse...

Agradecimento é igual a elogio, faz bem a quem escuta! E deixa eu agradecer tb: obrigada Ana pelas aulas de twitter! :) bjo!

Ana Magal disse...

É amiga... E nem sempre as pessoas lembra de falar essa pequena palavra que tem tanto significado. Fazer o que né...

Postar um comentário

Leia as regras:
Os comentários deste blog são moderados.
Use sua conta do Google ou OpenID.

Não serão aprovados comentários:
* com ofensas, palavrões ou ameaças;
* que não sejam relacionados ao tema do post
* com pedidos de parceria;
* com excesso de miguxês CAIXA ALTA, mimimis ou erros grosseiros de ortografia;
* sem e-mails para resposta ou perfis desbloqueados;
* citar nome de terceiros em relação à apologias, crimes ou afirmações parecidas;
* com SPAM ou propaganda de blogs.

Importante:
* Diferença de opinião? Me envie um e-mail e vamos conversar educadamente.
* Parceria somente por e-mail.
* Dúvidas? consulte o Google!

Obrigada por sua visita e comentário. Volte sempre!
OBS: Os comentários dos leitores não refletem as opiniões do blog e de sua autora.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo
 
;