sexta-feira, novembro 27, 2009

Afinal quem é a Helena de Maneco: Lília ou Taís?


Que a atuação de Taís Araújo não anda agradando o público na pele de "Helena" isso todo mundo já sabe. E não é por falta de talento da atriz, por que isso ela tem, mas dentro do contexto "Helenístico" de Maneco a atitude e postura da "Helena jovem" e bem sucedida não conseguiu levantar a audiência da novela global.

Por outro lado vem correndo a talentosíssima Lília Cabral, que encara a personagem Tereza com toda força que a Helena deveria ter. A cada dia que passa Lília rouba a cena da novela. A força, determinação, amor, paixão, raiva e desejo de todas as "Helenas de Maneco" ficaram a cargo da personagem Tereza. A ex-modelo que largou tudo por amor à família consegue transpor todas as regras da sociedade colocando no topo a força que todas as "Helenas" anteriores tiveram.

Taís, por mais talentosa que seja (lembro de Xica da Silva), não consegue carregar o fardo das "Helenas" nas costas. Seja pelo próprio roteiro mal escrito para ela, ou até por sentir esse peso, ela não está conseguindo atingir com tudo a força que as "Helenas de Maneco" sempre mostraram para o público noveleiro do Brasil.


Afinal não é de hoje que Maneco consegue conquistar os espectadores com a força incontrolável de suas personagens Helenas. O marco foi com a saudosa, Lilian Lemmertz que deu a essa personagem o foco que todas as outras acabaram sendo "obrigadas" a tomar. O talento de Lemmertz fez com que suas Helenas sucessoras tivessem a mesma força na interpretação e no drama, assim foi com Maitê Proença, Christiane Torloni, Vera Fischer e a campeã de "Helenas", Regina Duarte. Todas seguiram com a mesma força de Lemmertz, deixando claro que a marca registrada das "Helenas de Maneco" não estava só no texto, e sim na interpretação dramática dada a personagem.

Regina Duarte teve a honra de encarnar Helena três vezes, sendo duas delas seguidas (História de Amor – 1995 e Por Amor – 1997). Ela, como mais nenhuma outra, conseguiu entender essa força sobre-humana que as "Helenas" tem em si. Na sua terceira interpretação "helenística" (Páginas da Vida – 2007), a então Tereza de hoje, quase roubou a cena também. Lília Cabral encarou a pele de Marta e deixou todo público boquiaberto com suas atitudes. Mas só não ganhou da "Helena" de Regina, porque ela já tinham bagagem suficiente para entender a fundo essa personagem.

Isso não está ocorrendo com Taís (que por sinal está lindíssima nesta novela!). Por mais talento que tenha essa jovem atriz, a força natural de Lília Cabral está simplesmente colocando a protagonista em segundo plano. Uma pena. Queria muito ver Taís brilhar. Mas realmente não vejo como, afinal os textos de Tereza são de apelo sentimental forte, como se tivesse sido escrita para a personagem "Helena".


É, parece que Maneco trocou as bolas... Será que não está na hora de aposentar de vez as "Helenas"? Afinal pouco tempo atrás ele afirmou que nunca mais iria escrever e que estava saindo de cena das novelas, e do nada ressurge das cinzas com uma "Helena" pobre de conteúdo. Ponto para Lília com sua Tereza, e infelicidade para Taís que está recebendo as rebarbas de um autor desmotivado. Agora é esperar para ver se ele se toca com tanta crítica negativa e resolver mudar o rumo dessa trama. Mesmo assim, acho que Taís não consegue mais chegar em primeiro, pois Lília já arrebatou todo o público com sua Tereza "Helenística".

Parabéns Lília Cabral! Palmas para você, de pé!

2 comentários

rabiscos de Pollyanna Letícia disse...

Concordo, concordo e muito. E acrescento que junto a Teresa "Helenística" há também como destaque a personagem da Luciana que pelo que está passando transcende o enfoque emocional e dramático para a personagem Teresa. Parabéns pela crítica, belíssima publicação. Eu admito que tb não resisti e publiquei uma sobre a Novela. Se quiser dê uma olhadinha em "Dá zero pra ele!".
Um abraço!

Ana Magal disse...

Não é Letícia... a Lília tá dando um show. Acho que Maneco tá ficando gagá e trocando as bolas na hora de escrever o texto.

Postar um comentário

Leia as regras:
Os comentários deste blog são moderados.
Use sua conta do Google ou OpenID.

Não serão aprovados comentários:
* com ofensas, palavrões ou ameaças;
* que não sejam relacionados ao tema do post
* com pedidos de parceria;
* com excesso de miguxês CAIXA ALTA, mimimis ou erros grosseiros de ortografia;
* sem e-mails para resposta ou perfis desbloqueados;
* citar nome de terceiros em relação à apologias, crimes ou afirmações parecidas;
* com SPAM ou propaganda de blogs.

Importante:
* Diferença de opinião? Me envie um e-mail e vamos conversar educadamente.
* Parceria somente por e-mail.
* Dúvidas? consulte o Google!

Obrigada por sua visita e comentário. Volte sempre!
OBS: Os comentários dos leitores não refletem as opiniões do blog e de sua autora.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo
 
;